terça-feira, 23 de julho de 2013

Finalmente Comprei meu Garmin - Review


Semana passada depois de tanto debate, finalmente comprei o meu Garmin. Minha escolha foi o Forerunner 210 principalmente por ter como adicionar o contador de passos e o monitor para batimentos cardíacos, é possível comprar o pacote todo completo por uns $100.00 dólares a mais. Como já estava indo acima do que queria gastar com GPS resolvi passar por enquanto e quem sabe adquirir os complementos depois.

Meu primeiro treino com o relógio foi uma maravilha, tudo funciona muito bem e é muito fácil de usa-lo. Fazer o upload dos dados para o Garmin connect também é bem tranquilo e intuitivo.  




Meu novo Garmin Forerunner 210, ainda na caixa.




O que vem na caixa (sentido horário): relógio, carregador, adaptador para a tomada, cabo USB e manual de instrução.

Agora sim, tudo desembalado...




Como o relógio se conecta ao carregador


O relógio vem totalmente sem bateria, assim que ele carrega um pouquinho já aparece a tela para configura-lo. O passo a passo é bem simples, lingua, idade, peso, sistema métrico que deseja usar e pronto! O relógio já procurar por satélite e acerta a hora sozinho, uau! 

Feliz, feliz, com a minha nova aquisição. Mal posso esperar pelas minhas próximas corridas!

sábado, 13 de julho de 2013

Testando o Garmin Forerunner 210

Essa semana finalmente foi até a loja para comprar o meu relógio com GPS. Ainda estava sem saber qual modelo comprar e queria muito prova-los para vê se  ajudava na decisão. Fui em uma loja esportiva que tem perto da minha casa chamada Fleet Feet, gosto muito dessa loja por que os vendedores são bem atenciosos, e fazem de tudo para agradar.

Dessa vez para minha surpresa a vendedora me ofereceu de trazer o relógio para casa e testa-lo por 72 horas. Fiquei de boca aberta pensando: Será que eu entendi direito? Sim, sim! era isso mesmo. Esta loja tem um sistema de emprestar os relógios para os clientes por 3 dias, assim da tempo de testa-lo e saber se gosta antes da compra.

Para isso precisei fazer um pagamento de $15.00 dólares e de deixar as informações do meu cartão de crédito com eles. Se eu não voltar com o relógio no final do empréstimo eles me cobram o valor cheio o do produto, ou com a devolução eles abatem o valor do empréstimo ($15.00) na compra do mesmo. Amei a idéia e sem pensar muito voltei para casa o Garmin Forerunner 210 branco e verde! Lindo, lindo!

 Já no primeiro dia estava apaixonada pelo novo brinquedinho. Demorou um pouquinho para carrega-lo, mais ou menos umas 6 horas,  o conector do carregador perde contato com o relógio de vez em quando e para o carregamento. Mas não considerei isso como problema. É só prestar atenção nesse detalhe.


Relógio na caixa




O que vem com na caixa: relógio,  manual, carregador com
 entrada USB, e adaptador 




Testando, um pouquinho grande para uns, para mim perfeito!
Gosto de relógio grande!


Amei a cor branco e verde e não vejo a hora de voltar para finalmente comprar o meu. Só estou pensando em optar pela cor preta (com muita dor no coração) por que vi em alguns fóruns o pessoal reclamando que o branco fica sujo logo, e como sou OCD (leia-se doida com TOC), isso vai me incomodar bastante.



domingo, 7 de julho de 2013

Escolhendo meu Relógio com GPS

Desde que fiz a inscrição para a Maratona da Philadelphia venho considerando a compra de um relógio com GPS para ajudar nas corridas. O preço me deixou desanimada por um tempo, mas o trabalho extra de verificar milhagem em mapas online falou mais alto e finalmente estou decidida a fazer o investimento.

Depois de ler muito sobre o assunto e de conversar com amigos corredores optei pela marca Garmin, agora só falta decidir o modelo. Entre os que quero estão o Garmin Forerunner 10, Garmin Forerunner 110 e Garmin Forerunner 210.

Aqui vão alguns  pontos importantes entre um modelo e outro:

Garmin Forerunner 10


  • Preço imbatível, essa é a versão mais barata da Garmin.
  • É a prova de água, aguenta até 50 metros.
  • Tem a função de pausar automaticamente durante o treino, dependendo da velocidade.

Contras:

  • Não tem como adicionar o monitor de batimentos cardíacos.
  • A bateria dura apenas 5 horas no modo corrida.
  • Não tem como se conectar ao contador de passos,  o "foot pod". Por isso não da para usa-lo em locais fechado, como na esteira da academia.
  • A tela do relógio mostra apenas 2 informações de cada vez, apesar dessas serem personalizáveis prefiro ter acesso a mais (pelo menos distância, tempo e pace)

Garmin Forerunner 110

Prós:


  • Bateria dura 8 horas no modo corrida.
  • A tela mostra mais informações.

Contras:

  • Não é a prova de água, é apenas resistente a água.
  • Não dá para adicionar o monitor de batimentos cardíacos.
  • Também não tem o sensor para o contador de passos, "foot pod".
  • Não tem a função de pausar automaticamente.

Garmin Forerunner 210

Prós:

  • Tem o sensor para o contador de passos,"foot pod",  por isso pode ser  usado em locais fechados, como na academia.
  • Dá para adicionar o monitor de batimentos cardíacos.
  • A bateria dura 8 horas no modo corrida.
  • Mostra mais informações na tela.

Contras:

  • Não tem a função de pausar automaticamente.
  • Não é a prova de água, é apenas resistente a água.

Com tantas opções e funções diferentes é difícil escolher um. Já estava decidida a optar pelo mais baratinho mesmo, o forerunner 10, até por que ele tem funções bem avançadas como a de pausar automaticamente,  só estou preocupada com o tempo da bateria. Será que com 5 horas de bateria eu termino minha maratona? Espero que sim! Mas prefiro não ter que me preocupar com isso. Pensando nisso o forerunner 210 parecer ser uma opção mais interessante. Me oferecer mais tempo de bateria e eu ainda vou ter a opções de adicionar o monitor para batimentos cardíacos e o contador de passos no futuro. Esses podem ser adquiridos em um kit junto com o relógio ou serem comprados depois separadamente.

Essa semana vou passar pela loja e assim que comprar eu aviso.
Até a próxima!


sábado, 6 de julho de 2013

Me recuperando das férias

Um mês de férias não é moleza, tira qualquer um de forma. Fiz muitos planos para conseguir manter a corrida durante o tempo que fiquei no Brasil, mas não fui sucedida :(  O saldo  do mês foi: 5 corridas no calçadão de Camburi e 1 P90X de abdômen. Triste, triste.... principalmente para quem vai correr um maratona em 4 meses.

De volta, o desespero. A perna pesada e a sensação de incapacidade. Na minha primeira semana pós férias decidi intercalar corrida com bicicleta para não forçar demais. E a semana terminou até bem com 4 treinos de corrida e o total de 11 milhas.

Incorporei também alguns exercícios novos a malhação para fortalecer a parte lateral da perna e os glúteos e assim me prevenir de mais uma injúria na banda iliotibial. Clique aqui para ver vídeo.

Aos poucos espero me recuperar e me sentir preparada para o treino da maratona. Começo em agosto! Alguma dica?